Equipes definidas


Depois de vencer o Equador por 3 a 2 no primeiro Super Desafio BRA do ano realizado em Duque de Caxias, no dia 1 de junho, a seleção brasileira de judô volta ao tatame para a segunda disputa mista por equipes do ano. O adversário da vez será a equipe da Colômbia e o palco é a cidade de São José, em Santa Catarina, na próxima segunda-feira, 22, às 18h.

Para esta competição, que é a última antes dos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015, o Brasil vem mesclando juventude e experiência com os judocas Eric Takabatake (60kg), Tamires Crude (57kg), Alex Pombo (73kg), Maria Portela (70kg) e Eduardo Bettoni (90kg) sob o comando do técnico Mario Tsutsui. Do outro lado, o treinador Baudilio Hernandez vai tentar superar os brasileiros com os judocas John Jairo Futtinico (60kg), Yadinis Amaris (57kg), Christopher Franco (73kg), Luisa Bonilla (70kg) e Pedro Castro (90kg).

“Acho que vai ser uma boa disputa, não só na minha categoria como nas outras. A Colômbia trouxe bons lutadores. Eu conheço o Futtinico, pois já lutamos e treinamos juntos. É um adversário rápido e perigoso. Eu acredito que vai ser uma boa luta”, avaliou Eric Takabatake, que já conquistou bons resultados em 2015, como a prata no Campeonato Pan-americano de Edmonton-CAN e um bronze no Aberto de Varsóvia-POL .

Para a dupla Maria Portela e Alex Pombo a competição terá um gostinho especial. Ambos vêm de conquistas no último final de semana, quando levaram o ouro no Troféu Brasil, em Taubaté, e utilizarão o Super Desafio BRA como teste derradeiro para os Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015.

Já Eduardo Bettoni e Tamires Crude, apesar de não estarem convocados para Toronto, pretendem manter o bom desempenho e repetir em São José a performance no Troféu Brasil de onde saíram também com a medalha de ouro.

A disputa começará às 18h (de Brasília) e terá lugar na Arena do Centro Multiuso de São José, com transmissão ao vivo do SporTV. A entrada é gratuita.


17 de junho de 2015